Serra Mármore

Projetada para cortes em mármore, porcelanato, pedras, paredes, tijolos, cerâmica, pisos, azulejos e demais aplicações de acordo com o tipo de disco utilizado.

Descrição

A serra mármore é uma ferramenta muito útil para cortar azulejos, cerâmica, mármore, granito e outras pedras decorativas para sua obra. Ela é composta de um motor de grande potência responsável por girar o disco de corte em alta velocidade. Cada material a ser trabalhado precisa de um disco diferente, feito específicamente para ele.

Alguns podem ter fendas que ajudam a reduzir o atrito entre a lâmina e o material sendo cortado, dando maior vida útil à ferramenta. Essa ferramenta elétrica, disponível em tensões 110 V ou 220 V, realiza trabalhos retos e em ângulos de até 45°, dependendo do modelo que você escolher. Com ótima durabilidade, algumas versões possuem uma trava de gatilho, permitindo o uso contínuo do equipamento, além de reguladores que calculam a profundidade do corte, de acordo com suas necessidades.

Pensando no maior conforto dos usuários, muitas marcas também produzem aparelhos com cabos emborrachados. Por trabalharem com materiais muito rígidos, o processo de corte pode gerar muita poeira. Por isso, alguns modelos contam com a possibilidade de acoplar mangueiras para impedir que as partículas de pedra sejam suspensas no ar. Caso o seu modelo não possua esse atributo, recomendamos a utilização de uma máscara para evitar inalar a poeira, que pode ser tóxica caso respirada.

Também é necessário usar óculos de proteção para evitar irritações nos olhos. Os discos de corte diamantados recebem esse nome por terem pequenos fragmentos da pedra preciosa na borda. Sua estrutura é composta por uma “banda de corte”, isto é, uma liga metálica responsável por fixar pequenos grãos de diamante no disco, que serão os responsáveis por desbastar o material.

Durante o corte, os grãos de diamante são eliminados à medida que o material é cortado, mas novas pedras surgem na superfície da liga e garantem uma maior durabilidade ao equipamento. Por decorrência do desgaste natural, aos poucos a banda de corte começa a ficar lisa (“cega”) pelo fato dos novos grãos de diamante não serem mais capazes de se fixarem sobre a superfície. Conforme a ferramenta é usada, essa borda se desgasta abrindo espaço para outras pedras no seu interior.

Existem diversos modelos de disco de corte diamantado e cada um funciona melhor para um tipo de material específico. O que possui lâmina contínua ou lisa é usado para trabalhos que envolvam porcelanato, azulejo, ardósia e revestimentos cerâmicos, garantindo um corte com alta qualidade de acabamento. Recomenda-se a utilização de água para refrigerar a banda de corte, pois sua estrutura não possibilita a ventilação necessária para refrigeração.

O disco de corte diamantado segmentado apresenta “dentes” separados por cortes na superfície. Isso permite o menor atrito, por reduzir o contato da liga metálica com o material.

Sua estrutura consegue garantir uma refrigeração no processo e por isso pode ser aplicado para cortes a seco sem que ocorra superaquecimento.

É aplicado em materiais mais brutos, como alvenaria, granito e mármore, não tendo a preocupação de ter um ótimo acabamento e alta precisão. Existe também o disco de corte diamantado turbo, que concilia o alto acabamento e precisão dos discos contínuos com o processo de refrigeração dos discos segmentados.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Serra Mármore”

O seu endereço de e-mail não será publicado.